Escritor e Poeta Jean C. de Andrade

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

O Respeito e a Política

O Respeito e a Política

Sempre entendi a política como um campo de confronto de ideias, não de pessoas. 
A arte de conciliar o contraditório. Nesse embate há normas de enfrentamento e de convivência, dentre as quais cultivo como uma regra de ouro a lealdade.
Há que ser leal ao que se pensa ao que se diz, aos gestos políticos e à sua própria história. É a chamada coerência política.
Não acho interessante e muito menos correto, quando adultos já criados e por que não dizer barbados, se ofendem em um combate de palavras sem sentido, ataques  ao seu oponente político com palavras ofensivas, muitas vezes direcionadas á pessoa e á família. Em prol de uma ideia sobre derrota política, apenas para dizer que este ou aquele foi melhor e “MANDA”.
Isto é muito triste, assistir um combate cruel e injusto onde pessoas se atacam e  se ofendem.
Infelizmente é o que vejo á nível de Brasil, talvez á nível mundial, pois o poder é almejado e na conquista do mesmo vale tudo,   difamar e até matar o oponente á este sonho de ser o poderoso e de ser o “manda chuvas”, o Senhor que  senta-se à mesa do poder.

Nas grandes metrópoles isto se torna normal, é uma guerra meio que invisível escondida entre fatos obscuros e talvez até criminosos de um comando escondido.

Em uma cidade pequena, isto também acontece  é a presença  de um crime organizado, com menos requintes de crueldade física, mas com crueldade moral, em uma guerra de palavras e acusações. 

No final esquecemo-nos da principal ideia de política, que tem em seu único intuito visualizar o bem ao próximo e de uma comunidade inteira.

O poder corrompe, mudam pessoas, ás faz serem capazes  de atos impensáveis contra o seu semelhante, em prol apenas de se manter no topo do poder.

Sonho ainda que esta realidade mude e que as pessoas possam passar por uma política púbica sem se ofender e que não se tornem alvos também, que os crimes políticos permaneçam no passado e que as pessoas possam se respeitar e se unir em prol de uma sociedade mais justa e com um governo realmente capaz e humano, que se preocupem em ajudar o cidadão e seu país, sua cidade seu estado, enfim seu próximo.

Que a corrupção seja punida de fato, que as penas sejam duras e convincentes, que se aja respeito pelo próximo e pelo dinheiro público,que Presidentes, prefeitos, vereadores e demais autoridades eleitas respeitem o cargo que conquistaram e sejam dignos dos votos que receberam.

“Eu sou apenas uma gota no imenso oceano, mas sei que o Oceano sem esta pequena gota se tornaria menor”.

Jean C. de Andrade (poeta e escritor)



Conheça os Livros do autor neste Link:https://www.clubedeautores.com.br/authors/11605 Jean C. de Andrade é autor com vários Livros publicados no Clube de Autores